terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Número de desempregados aumenta 37% em 2016 e chega a 11,8 milhões

O Brasil fechou 2016 com 11,8 milhões de desempregados, em média, o que representa um aumento de 37% na comparação com 2015, quando eram 8,6 milhões.

Os números são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua e foram divulgados nesta terça-feira (31) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). As informações são coletadas em 211.344 domicílios, em cerca de 3.500 cidades.
Com isso, a taxa de desemprego em 2016 foi de, em média, 11,5%. É a maior registrada pela pesquisa, que começou a ser feita em 2012. Em 2015, a taxa média de desemprego havia sido de 8,5%.

Quarto trimestre
O país fechou o quarto trimestre de 2016 com 12,3 milhões de desempregados, segundo o IBGE.
Confira a comparação com resultados anteriores:
§  no terceiro trimestre, havia sido de 12 milhões
§  no trimestre de setembro a novembro, havia sido de 12,1 milhões
§  um ano antes (quarto trimestre de 2015), havia sido de 9,1 milhões.
A taxa de desemprego no quarto trimestre de 2016 foi de 12%.
§  no terceiro trimestre, havia sido de 11,8%
§  no trimestre de setembro a novembro, havia sido de 11,9%

§  um ano antes (quarto trimestre de 2015), havia sido de 9%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário