terça-feira, 15 de março de 2016

TUTÓIA: SINPROESEMMA comunica governo do Estado sobre a greve nacional

Em ofício encaminhado pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (SINPROESEMMA) à Secretaria de Estado da Educação (Seduc/MA), a entidade, que representa os professores, funcionários da educação e especialistas de escola, comunica ao governo do Estado a adesão da categoria à greve nacional da educação, convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) nos dias 15, 16 e 17.

Assim como nos anos anteriores, o documento enviado pelo SINPROESEMMA busca garantir a participação dos profissionais da rede de ensino e isentar a categoria de eventuais penalidades administrativas durante os três dias da greve.

Este ano, a mobilização, que ocorrerá simultaneamente nos 26 estados e no Distrito Federal, pressionará governadores e prefeitos para o cumprimento da Lei do Piso, na qual assegura a recomposição salarial e a jornada de um terço da carga horária ao planejamento escolar, e também vai protestar contra a terceirização e o parcelamento dos salários dos trabalhadores em educação.

Bem, em solidariedade aos nossos queridos professores, os Alunos do Centro de Ensino Casemiro de Abreu resolveram se juntar a causa, fazendo assim um manifesto que irá acontecer amanhã 16 de Março exatamente as 8:00 horas na praça Getúlio Vargas (Praça Central). Junte-se conosco nessa causa, não é só o Salario ou a Carga Horaria que está em debate, são os direitos de todos nós, tanto alunos como professores, lembrem-se de como anda nossa Educação, queremos uma Educação de QUALIDADE. Devemos parar e nos perguntar cadê os vigilantes das escolas? cadê o lanche? cadê os Zeladores? Laboratórios onde possamos trabalhar nossas aulas?...... Pensem e reflitam, abracem essa Causa..... NÃO À PERDA DE DIREITOS DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO! 

panfleto greve nacional redes

Nenhum comentário:

Postar um comentário