quarta-feira, 2 de março de 2016

Vice-presidente do Facebook sai da prisão

Diego Dzodan, vice-presidente do Facebook para América Latina, em evento da rede social de 2015
O vice-presidente da rede social Facebook na América Latina, o executivo argentino Diego Jorge Dzodan, deixou o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pinheiros, em São Paulo, na manhã desta quarta-feira (2). Ele tinha sido preso na terça (1º) a pedido da Justiça de Sergipe após a rede social descumprir decisão judicial de compartilhar informações trocadas no Whatsapp por suspeitos de tráfico de drogas. O Facebook é dono do WhatsApp desde o começo de 2014.
Dzodan foi liberado após uma nova decisão do Tribunal de Justiça de Sergipe, assinada pelo desembargador Ruy Pinheiro da Silva, conceder habeas corpus ao executivo na madrugada desta quarta. Ele responderá ao processo em liberdade.
Segundo um agente penitenciário que atua no CPD, Dzodan passou a noite em uma cela para presos temporários, separada dos demais presos. Ele deixou o presídio dentro de um veículo pela manhã e não concedeu entrevista. O executivo foi encaminhado de volta à sede da Polícia Federal em São Paulo, na Lapa.
(Com informações do G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário