sexta-feira, 6 de junho de 2014

Maranhão ocupa o 19º lugar em população carcerária do país, diz levantamento do CNJ

A atual população carcerária brasileira já chega a 715.655 presos, conforme dados divulgados nesta quinta-feira (5), pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O levantamento feito pelos tribunais estaduais e do Distrito Federal incluiu, desta vez, 147.937 sentenciados que se encontram em prisão domiciliar. Assim, não houve um crescimento significativo em relação ao número de encarcerados, que era de 567.655 no início do mês passado.
No Maranhão, o total de presos chega a 8.541, entre detentos recolhidos nas unidades prisionais do estado e os que cumprem prisão domiciliar. Levando em conta apenas o número da população carcerária, 6.315 detentos estão atualmente nos presídios do estado, o que representa um número baixo se comparado com as outras 26 unidades da federação.
O Maranhão aparece em 19º lugar entre os estados com maior população carcerária do país e é o nono entre as unidades federativas com menor população carcerária.
Veja a lista dos 27 estados e suas respectivas populações carcerárias, de acordo com os dados do CNJ:
  1. São Paulo – 204.846
  2. Minas Gerais – 57.498
  3. Rio de Janeiro – 35. 611
  4. Paraná – 32.438
  5. Pernambuco – 30.149
  6. Rio Grande do Sul – 27.336
  7. Santa Catarina – 16.366
  8. Espírito Santo – 15.546
  9. Ceará – 15.447
  10. Bahia – 13.013
  11. Mato Grosso do Sul – 13.513
  12. Distrito Federal – 13.200
  13. Pará – 12.172
  14. Goiás – 12.059
  15. Mato Grosso – 10.321
  16. Paraíba – 9.270
  17. Rondônia – 7.674
  18. Rio Grande do Norte – 6.842
  19. Maranhão – 6.315
  20. Amazonas – 5.276
  21. Sergipe – 4.666
  22. Acre – 4.320
  23. Piauí – 3.240
  24. Tocantins – 2.805
  25. Alagoas – 2.531
  26. Amapá – 2.523
  27. Roraima – 1.676

O Imparcial

Nenhum comentário:

Postar um comentário